Perdão, se você não dá você não recebe.

Marcos 11: 24 -26 Por isso, vos digo que tudo quanto em oração pedirdes, crede que recebestes, e será assim convosco. 25 E quando estiverdes orando, se tendes alguma coisa contra alguém, perdoai, para que vosso pai celestial vos perdoe as vossas ofensas.26 Mas, se não perdoardes, também vosso pai celestial não vos perdoará as vossas ofensas.

Nesse texto Jesus deixa claro que devemos perdoar aquelas pessoas que nos ofenderam.

E enfatiza que aquele que não consegue liberar perdão também não será perdoado por Deus.

Perdoar alguém que nos prejudicou, seja por uma coisa relativamente pequena, ou por um ato gravemente prejudicial, às vezes pode parecer uma coisa insuperável e difícil de fazer. Em alguns casos é um processo que realmente leva tempo. No entanto os ensinamentos de Jesus nos alerta sobre a necessidade de perdoar em todo tempo em qualquer hora ou lugar.

E não há condicionais como "a menos que", "se", "mas", ou aquela velha frase "eu perdoo mas não faça de novo".

Quem verdadeiramente perdoa não carrega peso, mágoas ou ressentimentos dentro do coração.

E toda vez que alguém nos ofender que possamos olhar para Jesus Cristo como o maior símbolo do amor que nos perdoou primeiro.

Que a luz do Espírito Santo se instale e faça morada em nossos corações.

E e que possamos lembrar sempre que o perdão da liberdade a quem o oferece.


Ir. José Roberto, Coordenador do Ministério de Educação na IAP em Taquarussu (MS).Tem formação em Educação Física.Responsável pela assessoria de impressa da prefeitura municipal de Taquarussu (MS).
Referências:Livro: A isca de Satanás de John Bevere

Autor

Ir. José Roberto,

Coordenador do Ministério de Educação na IAP em Taquarussu (MS).Tem formação em Educação Física.Responsável pela assessoria de impressa da prefeitura municipal de Taquarussu (MS).
  • Mais Textos Para Ler!

A fonte da satisfação.

A Ofensa: Como isso pode acontecer comigo?

Perdão, se você não dá você não recebe.

Uma pertinente reflexão sobre a fé.